Como Fazer um Currículo

By | 30 de julho de 2017

Uma das perguntas mais frequentes que existem é como fazer um currículo. Hoje em dia, com o avanço da crise e a incerteza sobre o futuro, muitas pessoas estão desempregadas. E sem saber o que fazer, acabam por ficar desesperadas.

Como Fazer um Currículo

(Foto: Ilustração) Como Fazer um Currículo

Infelizmente o desemprego está pairando e as vagas de emprego que estão disponíveis, nem sempre são preenchidas. E não existe melhor maneira para conseguir uma entrevista, do que ter um bom currículo.

No caso, se o seu currículo for interessante, você será chamado para a entrevista e terá chances de ser contratado. Só que se o seu currículo não for bem feito, as probabilidades de ser convocado serão mínimas.

Sabendo disso, hoje nós vamos ensinar você, a como fazer um currículo e você, como sempre, está convidado. Agora é interessante irmos direto ao ponto.

Como fazer um currículo

Um currículo poderá garantir ou não a sua entrevista, portanto é essencial que seja feito de maneira correta. Não existe nada em um currículo que deve ser igual aos outros, por isso fuja de definições padrões. Abaixo vamos mostrar como deve ser feito um currículo:

Informações pessoais

Aqui é o momento de colocar os seus dados pessoais, mas sem exagero. Insira o seu nome, telefone (com DDD), e-mail e endereço. Informações como o número do seu RG e CPF, só devem ser inseridas se a empresa pedir.

Perfil Profissional

Esta é a mais importante etapa do currículo. É a hora de você escrever, em torno de 4 linhas, um resumo sobre as suas experiências, formação e objetivo profissional. Dependendo do entrevistador, nesse momento ele poderá te chamar ou não te deixar. Sendo assim, tenha muita atenção e coloque informações verdadeiras.

Escolaridade

Aqui chega-se a um ponto que muitos erram ou colocam informações desnecessárias. Tudo dependerá do seu caso, mas em tese coloque a escolaridade que você está cursando e se já terminou, então insira a última.

Por exemplo: se for um estudando do ensino médio, coloque o ano que está cursando, o nome da escola e quando termina. Porém, se você for graduado, então insira apenas o curso que concluiu e o ano, é desnecessário colocar que terminou o ensino médio, pois o entrevistador irá deduzir isso.

Experiência Profissional

É chegado o momento de você inserir as suas experiências profissionais, ou seja, o local aonde trabalhou e o cargo. Normalmente é interessante colocar as últimas três, porém isso não é regra, dependendo do caso, poderá ser mais ou menos.

Formação e conhecimentos complementares

Nesse caso, deve-se colocar cursos de menor duração, podendo ser de idiomas, informática e treinamentos. É preciso apenas colocar a duração de tempo ou de horas, dependendo do caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *